h1

Primeiras impressões sobre as campanhas televisivas para a prefeitura de Belém

22 de agosto de 2012

A grande jogada começou, Belém. O circo está armado. TSE deu bandeira branca para veiculação das campanhas de rádio e TV dos candidatos à prefeitura de Belém. Não vi os programas de ontem, mas os de hoje já me deram um termômetro do que vai ser essa campanha televisiva, de forma geral: piegas.

Mimimmi, fulano nasceu pobre no interior de não sei onde, filho de pais humildes, batalhou pra vencer na vida e começou desde muito cedo na políticazZzZzZzZz…

Segue algumas das minhas impressões sobre as campanhas televisivas, onde arrisco um ponto de vista acerca da comunicação social/da publicidade e (rasteiramente) da política.

 

Tô tentando transformar meu hobby de infância (de ver horário político) em pesquisa no campo da comunicação =]

*REPITO: as observações a seguir são exclusivamente pessoais*

Anivaldo Vale: Como é bem evidente que ele não tem chances de vencer, minha avaliação é que a intenção dessa campanha seja fazer peças caras e bonitas para limpar a barra de seu mentor político, o Duciomar, que nesta campanha está para o Anivaldo assim como Lula esteve para Dilma – por mais bizarro que isso possa soar.

No programa, Dudu aparece passeando de carro, como se estivesse saindo de Belém. Nostálgico, diz que se considera PAI da cidade e que sai da prefeitura de consciência limpa, deixando-a nas mãos de Anivaldo.

MEDO dessa concepção de “PAI” do Dudu, viu?

E se campanha televisiva boa é campanha cara, isso era tudo o que faltava pro Dudu lavar os cofres da prefeitura de Belém…

Jordy: Ele aproveitou bem seu pouco tempo de campanha pra se vender, mas tenho minhas dúvidas se esse eterno discurso de Jordy ficha limpa e bonachão, depois dos últimos acontecimentos políticos e pessoais do candidato, ainda pode funcionar.

Priante: A mesma campanha batida de sempre essa do PMDB. O candidato é o mesmo de sempre, mas o contexto da cidade e dos eleitores não, gente!  Parece que utilizar a velha fórmula de bolo é mais negócio… E essa fórmula é antiga, hein, Jáder?

Jefferson Lima: “Você pode não nos ver nas ruas, mas estamos no seu coração” poderia ser substituído por “não tenho militância nas ruas, mas tenho tempo de TV, vote em mim”. O programa vai de nada pra lugar nenhum, não comunica nada de interesse público à informação. E o cara é jornalista, tá ligado?

Alfredo Costa: Vergonha alheia dessa campanha do PT. Prova cabal da desmoralização do partido aqui no estado e de que sem candidato forte e sem dinheiro a falta de comprometimento com a população fica ainda mais gritante. Conteúdo e qualidade técnica ZERO. Que feio, PT!

Edmilson Rodrigues: Seu pouco tempo de TV foi bem aproveitado, mostrando a aceitação da população nas ruas e explorando a imagem carismática do candidato. Só acho um vacilo não mostrarem a pesquisa de intenção de voto, onde o Ed está na frente, nem convocarem a população a elegê-lo ainda no primeiro turno. Espero que isso seja sanado nas próximas peças. Ed é meu candidato, tô com ele e não abro 😀 (outra hora eu escrevo exclusivamente sobre isso aqui).

Zenaldo: O programa foi um Ctrl C Ctrl V da campanha do Jatene ao governo, da campanha do “Não” à divisão do Estado e das peças institucionais do governo tucano, ou seja: um programa caro, com poucas inovações, mas que “pega”, principalmente em quem ainda não escolheu pra quem vai seu voto. O lance do “ZenaldAêÊÊ” foi uma ótima sacada e parece que vai se manter nos próximos programas ( se fosse eu, manteria). Zenaldo é um candidato bom (personificamente falando, o cara é do PSDB, longe de mim defendê-lo para prefeito de minha cidade) e está sendo bem aproveitado. Ou seja: dessa campanha eu tenho medo.

 

Continuaremos com as análises, que aqui no blog serão semanais.

E como minha intenção não é ser de um todo parcial, aí vai a minha dica, sem medo de ser feliz:

EDMILSON 50 PARA PREFEITO DE BELÉM \o/

Anúncios

One comment

  1. onde a pesquisa foi acertada

    http://zenaldokencoutinho.blogspot.com/



Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Lúcio Flávio Pinto

A Agenda Amazônica de um jornalismo de combate

Grupo Ecosol

Grupo de Pesquisa em Economia Solidária

Das Lutas

Coletivo

[PONTO DE PAUTA] para o livre debate.

Destina-se a abordar criticamente acontecimentos relacionados à política, à economia e à cultura no Brasil, na Amazônia e no Pará em contraponto com a visão editorial conservadora dos chamados grandes órgãos de comunicação.

Ginecosofía

Sabiduría Ancestral de las Mujeres

CINE CCBEU

Em fase de treinamento.

Cine Líbero Luxardo

Fundação Cultural do Pará Tancredo Neves

CINE OLYMPIA

Em fase de treinamento.

Centro Cultural SESC Boulevard

Em fase de treinamento.

BLOG DO BARATA

Em fase de treinamento.

Site da Enecos

Em fase de treinamento.

Xingu Vivo

Em fase de treinamento.

Hupomnemata

Em fase de treinamento.

Manuel Dutra

Em fase de treinamento.

%d blogueiros gostam disto: